Entrei no Soho Cabeleireiro como assistente ganhando R$400,00’ . Essa frase foi dita, pelo Mago dos Cabelos, Sidney Akira Hoje, ele é um dos cabeleireiros mais respeitado do Brasil, depois de anos de carreira no Soho e no próprio salão, tem experiência suficiente para falar de qualquer tema relacionado a beleza feminina. O assunto sobre alisamento capilar é algo sempre polêmico, com muitas opiniões, para Sidney, existem muitas formas de se fazer um alisamento que combine com cada tipo de cabelo. Vamos analisar nesse blog post, os tipos de alisamento e os melhores tratamentos para cada cabelo.

Continue lendo esse artigo para saber:

Quais são os tipos de alisamento definitivos?

Existem muitos tipos de alisamento hoje em dia, cada um com suas caracterizações, servindo para necessidades e gostos diferentes. A finalidade é sempre a mesma, o diferencial são os componentes utilizados, tempo de duração e o tratamento que deve ser feito após o procedimento. Vamos analisar cada um deles:

– Escova Progressiva

É indicada para todos os tipos de cabelo, alisa os fios ondulados e diminui o volume dos crespos e armados. Não é indicado para pessoas com couro cabeludo sensível e cabelos muito oleosos, por causar ainda mais sensibilidade e oleosidade no couro. Pessoas com o cabelo virgem também não são indicadas por não obterem o melhor resultado com esses tipos de alisamento.

Na escova progressiva, os fios são lavados com xampu de limpeza profunda e o produto é aplicado mecha por mecha, depois é feito a escova no cabelo e o mesmo é pranchado, para selar as cutículas e garantir a absorção dos princípios ativos. Os efeitos da escova progressiva duram em média 3 meses, seu efeito é gradual, ou seja, a cada vez que você realiza o tratamento, mais liso ficam os fios.

Para manter o cabelo liso pós-progressiva, sugerimos a leitura de nosso artigo sobre realinhamento capilar.

– Escova definitiva

Essa técnica de alisamento é mais indicada para quem tem fios naturais ou alisados. Depois de lavar com xampu de limpeza profunda, e aplicar o produto alisante, o cabelo é pranchado com chapinha aquecida a 200°C, mecha por mecha, com o objetivo de realinhar a fibra do fio. Deixando-o bem liso. O resultado é um cabelo extremamente liso, sem balanço natural.

Mas para manter sempre seus cabelos bonitos, brilhosos e macios, é preciso ter cuidados, para que o liso perdure por mais tempo e sem causar danos aos fios, é sugerido seguir algumas dicas:

# Hidratar o cabelo semanalmente com produtos específicos para cabelos quimicamente tratados.

# Evitar o uso de xampus anti-resíduos ou de limpeza profunda, eles podem remover o alisamento dos fios.

# Evitar usar elásticos ou qualquer acessório para prender o cabelo no primeiros meses, pois podem marcar os fios definitivamente.

# Cortar o cabelo de forma correta, uma vez que os fios podem ficar esticados nas pontas e com tamanhos aleatórios.

# Pintar o cabelo somente após 15 dias e se atentar se as químicas são compatíveis, já que a escola definitiva pode clarear um pouco o cabelo.

# Se atentar na hora de dormir nos primeiros dias, pois uma posição inadequada pode amassar os cabelos e marcá-los para sempre.

# Para a primeira lavagem, espere 3 dias após a aplicação da escova definitiva.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Niceness • Beauty Blogger (@nicenessbeauty) em

– Escova Inteligente

Esse tipo de alisamento é indicado para qualquer tipo de cabelo. Os fio finos ou ondulados ficam lisos, já o cabelo crespo e o armado, reduzem o seu volume. As principais vantagens da escova inteligente é que diferente dos outros tratamentos, seu cabelo pode ser lavado no mesmo dia, é compatível com a maioria das químicas, por isso, também é possível tingir os cabelos, mulheres com fios lisos podem usar esse tipo de alisamento para combater o frizz. Em contrapartida, esse tratamento cria uma película que impede a hidratação do fio, por isso é comum que os cabelos fiquem secos e quebradiços com o passar do tempo, é um tipo de alisamento temporário, durando em média 3 meses, sendo indicado retornar ao salão de beleza frequentemente.

– Relaxamento

Esse alisamento é mais indicado para cabelos armados, crespos e com frizz. Sendo recomendado principalmente para cabelos afro ou volumoso. É preciso fazer um teste em algumas mechas para ver qual produto vai se adaptar melhor ao fio e se há algum desconforto, depois que o relaxamento é feito com os fios sem lavagem,  o produto é aplicado neles secos, agindo por cerca de 20 minutos. Depois, os fios são enxaguados e neutralizados.

O ideal é não fazer o relaxamento em casa, ir ao salão de beleza sem lavar os fios no dia do relaxamento capilar. Além disso, caso o cabelo já tenha sofrido alguma química, é importante que o profissional saiba para fazer um teste de resistência no fio, para saber se ele é capaz de aguentar mais química. Após o tratamento, os cabelos crespos e armados ficam com cachos mais soltos e bem definidos, além do volume reduzido. Os efeitos duram de 6 a 8 meses, conforme o crescimento dos fios, pode-se retocar a raiz.

Você conhece bem seu cabelo? Sabe do que ele precisa para estar sempre lindo? Essas dicas com certeza te ajudarão a saber como tratá-lo-lo melhor, mas para saber um pouco mais do seu cabelo, confira!

Tipos de alisamento para cabelos com luzes

A combinação de clareamento dos fios e alisamento sempre gerou muitas dúvidas, fala-se muito que seja proibido fazer os dois tratamentos. A mistura dessas duas químicas pode se tornar arriscada e comprometer a integridade do cabelo. Quando o cabelo é sobrecarregado com muita química, acontece o desgaste do córtex dos fios, ele fica tão fragilizado com a quantidade de procedimentos que os cuidados para sua reparação vão bem além a utilização de bons xampus e cremes.

Quando os cabelos são tratados com alisantes a base de tioglicolato de amônio, existe a possibilidade de fazer luzes no cabelo, existe uma compatibilidade entre o tioglicolato de amônio e o descolorante, mas ambos os processos exigem bastante do cabelo, portanto, e preciso fazer um teste para ver as condições dos fios.

Se os cabelos foram alisados ou relaxados com produtos a base de hidróxido, seja ele guanidina, lítio ou sódio, não poderão receber descolorante ou tintas claras. Quando os cabelos são processados com esse tipo de base, eles se ressecam, e o ressecamento é potencializado quando se aplica o agente oxidante, seja descolorante ou das tintas claras.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por @cabelosda_amanda em

O melhor tipo de alisamento para cabelo fino

O motivo dos fios serem finos geralmente é de origem genética, para quem os possui, é preciso tomar certos cuidados. E quando se pensa em alisar, é preciso ter atenção dobrada. A escova inteligente é uma ótima opção para você que possui cabelos finos, ela garante menos frizz e permite que o cabelo seja lavado uma hora depois da aplicação do tratamento. Para proteger melhor os cabelos, é bom usar um bom protetor térmico antes da aplicação. Outra forma de proteger os cabelos finos é trabalhar com um profissional que faça testes dos fios antes de aplicar a escova, verificando se o cabelo vai resistir ao procedimento químico.

Se você está gostando desse artigo e quer ajudar mais pessoas a conseguir ter um alisamento adequado, clique em algum dos links abaixo para ajudar a divulgá-lo.

Facebook (o mais popular)

Twitter (o mais rápido)

Google+ (o mais indicado para funcionários do Google)

LinkedIn (o mais profissional)

Email (o mais democrático)

Alisamento fotônico

O alisamento fotônico é um tipo de escova progressiva que ajuda a alisar o cabelo de maneira definitiva. Sem danificar o couro cabeludo, e ao mesmo tempo hidratando os fios profundamente. É indicado para todos os tipos de cabelo, os ondulados ficam lisos e com balanço, já os crespos e armados, perdem o volume.

Esse tipo de alisamento funciona através da tecnologia de fótons, a principal fonte de energia é a luz azul, emitida através de um laser, semelhante ao laser que ajuda a clarear os dentes.

Os tipos de alisantes

Existem 4 alisantes mais usados pelas cabeleiras, vamos falar as principais características de cada:

– Guanidina:

É o alisante que se forma através da mistura de hidróxido de cálcio e carboneto de guanidina. O preparo deve ser realizado por um profissional, porque se a mistura foi preparada com uma maior quantidade de hidróxido de cálcio, prejudicará os cabelos com ressecamento excessivo.

– Tioglicolato de amônio:

Esse é o alisante considerado mais fraco, porém é o que causa menos dano ao cabelo. O alisamento a base de tioglicolato de amônio é compatível com cabelos que passaram por descoloração, porém o teste de mechas deverá ser realizado antes do início do tratamento.

– Hidróxido de lítio:

Esse é o alisante mais forte de todos, porque seu potencial de quebra de cistina é maior. Ele permite um alisamento mais rápido, mas não significa que seja menos agressivo que o alisamento a base de sódio. Este e o alisante menos utilizado pelo seu alto custo.

– Hidróxido de sódio:

Esse tipo de alisante é intenso e rápido, mais forte que a guanidina. Além de seu alto poder de quebra da cistina, ele possui também moléculas menores facilmente penetráveis na fibra capilar.

De qualquer forma, existem vários métodos para alisar o cabelo, atendendo todos os tipos de fios, para você poder alisar seu cabelo de forma saudável é preciso usar produtos de qualidade e que contenham em sua composição elementos naturais, como o kit Realinhamento Capilar da Lonuy.

Kit Realinhamento Capilar Lonuy

Saiba mais 

Ele vai deixar o seu processo de alisamento dos fios mais fácil e bonito!

Alisamento com amônia estraga o cabelo. Mito ou verdade?

Produtos a base de amônia, como tinturas e produtos para relaxamento, danificam o cabelo, não só eles, mas qualquer produto com o ph muito ácido ou muito básico danificam os fios, por isso, é verdade!

É preciso ter alguns cuidados para reduzir os malefícios da amônia no cabelo.

# Usar um bom creme de tratamento com reposição de aminoácidos e sem sulfato;

# Ter cuidado ao pentear os cabelos, não exagerar, pentear somente o necessário;

# Evitar lavar os cabelos com água quente;

# Cuidado na hora de prender o cabelo, para evitar que os fios fiquem marcados.

Sidney Akira reuniu nesse vídeo 3 mulheres com objetivos diferentes e cabelos diferentes, podemos ver que ele usou formas distintas para alisar seus cabelos. Cada uma teve o cabelo alisado, mas com produtos distintos, percebe-se que o resultado foi muito satisfatório!

Achei sensacional como o Sidney conhece cada cabelo e sabe a melhor forma de tratá-lo, podemos perceber que cada cabelo é único e merece os cuidados específicos. A grande lição que tiramos desse vídeo é que se você pensa em tratar bem seu cabelo, é preciso procurar um ótimo profissional, porque ele vai saber quais são os melhores produtos para usar no seu cabelo e a melhor forma de tratá-lo.

O alisamento dos cabelos femininos sempre foi um assunto em alta, pois muitas mulheres sonham em mudar de visual, algumas já possuem o cabelo liso mas preferem eles mais lisos ainda. Cadastre seu email aqui mesmo e confira todos os nossos conteúdos!

 

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Não enviamos span