Oóleo de rícino tem se mostrado um forte aliado para quem se preocupa em manter os fios fortes, saudáveis e hidratados, ou até mesmo para quem quer evitar a queda dos cabelos.

Seu objetivo é ter cabelos longos? Simples conseguir isso. Saiba como usar o oleo de Ricino no cabelo que o resultado é garantido. Óleo de rícino? Isso não é mentira? Verdade absoluta. 

Continue lendo esse artigo para saber:

O óleo de rícino, extraído da mamona, planta de origem indiana e também cultivada no Brasil, é o que vai te oferecer um resultado garantido e te fazer alcançar seu sonho de maneira bem simples.

Esse óleo vegetal tem se tornado o queridinho de muitas pessoas, principalmente das mulheres, por conta de seus já comprovados inúmeros benefícios, e entre eles, a incrível função de acelerar o crescimento dos cabelos.

oleo de ricino no cabelo lonuy 3O famoso óleo de rícino possui uma consistência bem espessa, o que faz com que ele seja extremamente concentrado em vitaminas que são muito vantajosas, não somente para os cabelos, como também para a pele e sobrancelha. E no caso dos homens, que gostam de usar a barba maior e com mais volume, mas nunca acharam que isso seria possível, por conta de ter poucos pelos na área da barba, ou ainda, ter pelos finos, o óleo de rícino também é um ótimo aliado, já que o produto também potencializa o crescimento dos pelos.

E mulheres, que sonham em ter um cabelo longo e forte, como Rapunzel, a famosa personagem de contos de fada, o óleo de rícino é o produto mágico que faltava pra você. Mas e se meu cabelo for liso, ou cacheado, ou crespo, ou então fino, ou muito grosso, ou seco,  ou extremamente oleoso?

Não tem problema, de verdade. Leia o artigo até o fim, descubra todos o benefícios do óleo de rícino e como esse produto é incrível quando o objetivo é deixar os cabelos hidratados, fortes e o mais importante, muito saudáveis.

Ao longo desse artigo você conhecerá os benefícios do óleo de rícino, entender como ele é benéfico para o crescimento dos fios e combater a queda, como usá-lo nos cabelos e quais os cuidados na hora da aplicação, descobrir se é possível dormir com o produto no cabelo, em quais tipos de fios o produto pode ser aplicado, se realmente existe eficácia no combate à caspa, quantas vezes o produto deve ser utilizado na semana, como ele deve ser retirado dos fios, como o óleo restaura e auxilia no crescimento de fios fortes, quem não pode usá-lo e onde é possível comprá-lo.

Benefícios do óleo de rícino para os cabelos

oleo de ricino no cabelo lonuy 1

Os benefícios do óleo de rícino são inúmeros, e tem sido comprovados por diversas pessoas que afirmam que o resultado é garantido, quando o produto é utilizado com frequência. Veja abaixo quais são os resultados que o produto oferece:

– fortalecimento dos fios;
– combate à queda dos cabelos;
– combate à quebra dos fios;
auxílio no crescimento dos fios, já que em sua fórmula possui minerais e vitamina E;
– ajuda no tratamento de calvície e alopecia;
– quando aplicado na raiz, diminui a caspa;
– hidrata e recupera os fios;
– encorpa os fios;
– sela as cutículas da fibra capilar dando brilho;
– possui propriedades anti-fúngicas e anti-bacterianas, que deixam o couro cabeludo saudável;
– ajuda a manter a hidratação dentro dos fios, deixando o cabelo selado.

ÓLEO DE RÍCINO NO CABELO COMBATE A QUEDA E ACELERA O CRESCIMENTO DOS FIOS

Como usar o óleo de rícino no cabelo lonuy

É mentira ou verdade que o óleo de rícino combate à queda? Depende. Em casos em que essa queda é ocasionada por questões hormonais,  metabólicas ou por patologias, como a alopecia, por exemplo, a resposta é não. Nas situações acima mencionadas, o recomendado é procurar um médico, ou até mesmo um especialista, como um dermatolgista, como afirma a Dra. Elizete Kaffer, especialista em tricologia – segmento da medicina que trata de pelos e cabelos –  da Clínica Shalon de Campinas (SP).

“Em casos graves, de fungos resistentes e que o processo inflamatório capilar é intenso, se não tratado rápido e especificamente, esse quadro pode evoluir e haver substituição do couro cabeludo por cicatriz, causando uma irreversível  perda capilar parcial ou até mesmo total. Portanto, na dúvida, consulte sempre seu médico.”

Mas e se as falhas já aparentes no cabelo tiverem surgido devido à uma contaminação fúngica ou bacteriana, o óleo de rícino pode muito bem contribuir para o processo de reversão da queda, pois ele consegue auxiliar no controle da proliferação dos micro-organismos.

Caso aconteça uma desidratação do couro cabeludo, gerando assim uma fratura capilar, o óleo de rícino também pode ser um forte aliado nessa situação.

Para acelerar o crescimento, diminuir a queda ou até mesmo a quebra dos fios, o produto deve ser usado na raiz, pois assim ele consegue atuar com muito mais eficiência, já que estará em contato com a parte do couro cabeludo que está mais perto do bulbo capilar.

O bulbo capilar é o responsável por produzir e distribuir as células germinativas que causam o crescimento do cabelo.

Nesse texto você pode saber mais sobre os benefícios do óleo de rícino, como é a atuação do produto para combater à queda, como aplicá-lo nos fios e se existe algum cuidado especial na hora de usá-lo.

COMO USAR O ÓLEO DE RÍCINO NO CABELO E QUAIS OS CUIDADOS NA HORA DE APLICAR

oleo de ricino cabelo fino 1

Para que o efeito seja potencializado, é importante que você saiba como usar  o óleo de rícino para que ele te ofereça o resultado almeja. Na hora de aplicá-lo na raiz realize uma massagem com movimentos circulares, estimulando a circulação do couro cabeludo. Esse processo da massagem é simples mas ajuda a potencializar o efeito do produto. Mas não se esqueça, essa massagem precisa ser realizada com a ponta dos dedos, e jamais com as unhas. O tempo ideal para realizar essa massagem é de 10 minutos.

Lembre-se que por ser muito espesso, é importante que você dilua um pouco o produto, para que ele possa ser aplicado com mais facilidade. Você pode usar o óleo de coco, que além de ser mais fino, também é um excelente aliado para cuidar dos fios.

Para realizar essa mistura você pode usar uma colher de sobremesa de óleo de rícino, duas colheres de sopa de óleo de coco e vitamina E. Depois é só deixar a mistura agindo nos fios por cerca de 2h.

Posso dormir com o óleo de rícino no cabelo?

Mas caso esteja sem tempo de realizar essa umectação (processo de passar óleo nos cabelos antes de lavá-los) durante o dia, você pode dormir com o óleo nos fios.

Após passá-lo no cabelo, faça um coque baixo – para evitar que muito produto se concentre no topo da cabeça – coloque uma touca de banho ou forre bem a fronha com uma toalha, para não sujar o travesseiro.

No caso de dormir com o produto, é importante que você faça o teste de alergia antes. Para isso, passe uma pequena quantidade do produto na nuca e deixe agir por 1h. Se você não sentir coceira ou apresentar qualquer outra reação alérgica após o teste, use o produto a noite sem preocupação.

Óleo de rícino no cabelo fino

Os óleos vegetais são ótimos para deixar os fios mais pesados e encorpados. Sendo assim, o óleo de rícino é perfeito para você que tem os fios finos.

Oleo de ricino no cabelo cacheado

oleo de ricino no cabelo cacheadoDevido ao seu formato em espiral, o fio cacheado é naturalmente mais ressecado, pois encontra dificuldade em levar a oleosidade da raiz para as pontas.

 Esse óleo vegetal é indicado não só para fios cacheados, mas também para fios crespos, pois além de hidratar, ele consegue melhorar a maleabilidade da fibra capilar, diminuir o frizz, definir melhor a estrutura dos cachos e selar o fio. Você notará um efeito incrível nos seus cachos após o uso do óleo.

Oleosidade excessiva

 Se seu cabelo é extremamente oleoso, não se preocupe, você também pode utilizar o produto. Como óleo combate óleo, ao usar o óleo de rícino você notará uma diminuição na oleosidade natural dos seus cabelos.. Mas é importante nesse caso aplicá-lo somente no comprimento dos fios, e nunca na raiz.

Combate à caspa

oleo de rícino combate a caspa 

Em sua composição, o óleo de rícino possui o ácido ricinoleico, que é rico em propriedades anti-microbianas, e portanto responsável por matar as bactérias que causam a caspa. Além disso, no óleo também está presente a ricina, rica em germicidas e fungicidas. Sendo assim, tanto o ácido ricinoleico, quanto a ricina, são capazes de proteger o couro cabeludo de possíveis infecções microbianas e fúngicas – causadores da caspa e infecções do couro cabeludo, como a dermatite e a seborreia.

Se você está gostando desse artigo e quer ajudar mais pessoas a conseguir ter um cabelo comprido e com brilho incrível, clique em algum dos links abaixo para ajudar a divulgá-lo.

Facebook (o mais popular)

Twitter (o mais rápido)

Google+ (o mais indicado para funcionários do Google)

LinkedIn (o mais profissional)

Email (o mais democrático)

Esse óleo vegetal é indicado não só para fios cacheados, mas também para fios crespos,Outros nutrientes do óleo, como minerais, ácidos graxos, ômega-6 e vitamina E, conseguem hidratar os flocos de caspas secas, diminuindo as possibilidades deles ficarem soltos no couro cabeludo. Essas propriedades do óleo também são capazes de evitar a síndrome do couro cabeludo com coceira.

Quantas vezes por semana devo usar o óleo?

Você pode usar o óleo de rícino de uma a duas vezes por semana. Após iniciar o uso, comece a notar as mudanças no seu cabelo, se o fio está ficando mais encorpado, hidratado, se a caspa está diminuindo, se o crescimento está ficando mais acelerado.

Todos esses fatores vão determinar se você vai continuar aplicando o óleo uma vez por semana, se vai aumentar a frequência de uso para duas vezes.

Um outro fator que também pode determinar o total de vezes que você utilizará o produto, é o cheiro. Por ser altamente concentrado, o óleo de rícino possui um cheiro que pode ser considerado um pouco forte para algumas pessoas.

Caso o cheiro te dê sensação de enjoo, utilize o óleo uma vez por semana, de dia, e não de noite, para evitar a exposição ao produto por tanto tempo.

oleo de ricino no cabelo lonuy 2

Como tiro o óleo do cabelo?

Depois de passar o óleo nos fios e deixá-lo agir pelo tempo recomendado, é importante que o processo para retirá-lo dos cabelos seja realizado de maneira precisa, para que não fique resquícios de óleo no couro cabeludo.

Você pode lavar os cabelos com um shampoo hidratante, quantas vezes achar necessário, até ter certeza que todo o óleo foi removido dos fios e da raiz. Após a lavagem com o shampoo de sua preferência, condicione como de costume. Saiba como montar o seu cronograma capilar .

Restauração e crescimento de cabelos mais fortes

Se seu fio está fraco, naturalmente, ou por conta do uso de química ou tintura, você também pode usar o óleo de rícino. O produto vai auxiliar de uma a duas vezes por semana na restauração dos fios e fortalecer o crescimento dos fios novos desde a raiz, para que esse novo cabelo cresça mais forte. Por ser um óleo vegetal, totalmente natural, o óleo de rícino não possui contra-indicação quando colocado em contato com tinturas ou até mesmo químicas extremamente agressivas para os fios.  

Até mesmo por conta de suas propriedades, o uso do óleo será extremamente benéfico, pois ele vai cuidar do fio que passou por esse processo químico, o hidratando, fortalecendo e evitando que ele possa vir a quebrar.

Quem não pode usar o óleo de rícino?

Grávidas não podem usar o óleo, pois ele pode acionar o processo de contração das paredes uterinas, chegando a induzir até mesmo a dor de parto.

Onde encontrar o óleo de rícino.

Na nossa loja virtual você pode encontrar o óleo de rícino para comprar e comprovar todos os benefícios listados acima. Clique aqui e conheça mais de nossos outros produtos.

O óleo de rícino, além de ser acessível, é super democrático, já que pode ser usado em todos os tipos de fios e oferece resultados super benéficos para quem almeja ter cabelos compridos, mas também fortes e principalmente, saudáveis.

Você já usou o óleo de rícino? Se sim, compartilha aqui embaixo nos comentários quais foram os resultados que você obteve.

Se você vai testar a receitinha da Renata Meins, também conta pra gente se seu cabelo cresceu, o que você percebeu de melhorias nos seus fios após adotar o uso frequente desse potente óleo vegetal.

Gostou do artigo? Que tal compartilhá-lo em suas redes, para que outras pessoas que sonham em ter os cabelos longos ou evitar a queda, também possam saber mais sobre como o óleo de rícino pode ajudá-las?

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Não enviamos span